Copa de 2014: olhares do mundo voltam-se para o Brasil

30/04/2015 17:54

Copa de 2014: olhares do mundo voltam-se para o Brasil

Por @Rubens Teixeira

O anúncio da realização da Copa do Mundo no Brasil criou grande euforia para o povo brasileiro. Um dos aspectos mais apontados é o efeito econômico que os jogos proporcionam. Isso porque o evento contribuirá para o desenvolvimento da infraestrutura e do setor de serviços no país. Esse impacto se refere tanto a investimentos do governo em grandes obras quanto a vinda de turistas para o país. Durante os eventos, são esperados 4 milhões de turistas nacionais e internacionais, que adicionarão R$ 9,4 bilhões à economia, de acordo com o Ministério do Turismo. Além disso, o evento gerará valorização comercial e imobiliária, a criação de empregos e o estímulo a investimentos.

A expectativa é que haja, não apenas grande retorno econômico, mas uma forte movimentação na indústria do turismo, da qual o Brasil tem um grande potencial a ser explorado. Neste momento, estamos como foco do mundo, o que trará novas divisas, novos empreendimentos e, consequentemente, recursos para a economia, não só durante o evento, mas, especialmente após, quando o Brasil se tornará mais conhecido.

Pesquisa do Ministério do Turismo realizada após a Jornada Mundial da Juventude (2013) mostra que 95,7% dos turistas que visitaram o país afirmaram que voltariam. Certamente isso é resultado da ampla possibilidade de turismo que o Brasil oferece em regiões litorâneas (7.367 km de costa), região amazônica, Pantanal, mangues, cataratas e quedas d´água, além de diversos locais históricos e uma infinidade de pontos turísticos famosos.

O resultado imediato e comprovado é a geração de emprego. Diversos postos de trabalho formais e temporários, diretos e indiretos, foram criados para atender as demandas do evento dos jogos. Da construção civil à hotelaria, diversas oportunidades foram oferecidas, a ponto do Brasil, mesmo em meio à crise internacional, manter seus níveis de desemprego em patamares dos mais baixos da história recente. Algo memorável, não apenas para o governo, que empreende vários programas sociais voltados para a criação, manutenção do emprego formal e auxílio aos desempregados, como para a sociedade, principal beneficiária, pois o trabalho traz dignidade ao cidadão, aumentando a renda e o consumo das famílias.

Vários investimentos foram feitos em setores como transporte público, como por exemplo, os BRTs e a expansão do metrô, além da revitalização da região portuária da cidade do Rio de Janeiro – o Porto Maravilha –, a reforma de estádios de futebol, em várias partes do país, e a construção de outros, valorizando o esporte e a cidadania.

Em 1950, na quarta edição da Copa, quando recebeu pela primeira vez os jogos. A Europa passava por reestruturações pelo recente pós Segunda Guerra Mundial, suspensa pela FIFA desde 1938. Por conta disso, vários países não aceitaram ser países-sede do evento. Apesar dos contratempos, tudo foi feito, ainda que às pressas devido ao pós-Guerra. A maior tristeza que o Brasil enfrentou, na ocasião, foi perder o título na final para o Uruguai no Maracanã (RJ). Naquela época, o Brasil não tinha um só título mundial em Copa. Hoje é o que mais conquistou esse título. Entre uma Copa e outra, um grande exemplo de superação para o mundo.

Hoje o Brasil é dono de cinco títulos de campeão do mundo: Copas de 1958, 1962, 1970, 1994 e 2002. Além disso, possui dois outros títulos como vice-campeão: 1950 e 1998 e dois ficou em terceiro lugar em: 1938 e 1978. Por tudo isso, é internacionalmente conhecido como o país do futebol, com ídolos conhecidos por seu futebol arte que encantou e encanta gerações, no mundo inteiro, como Pelé e Garrincha, ou os mais recentes, como Ronaldo e Neymar. Agora, sendo pela segunda vez o país-sede da Copa, o Brasil precisou passar por muitas modernizações.

Seis décadas depois da primeira Copa, o país tem a chance de mostrar sua evolução, como a sétima maior economia do mundo, vencendo a algumas limitações socioeconômicas e tecnológicas, e lutando na direção de superar outras. Após diversas transformações sociais, políticas, econômicas e culturais, o Brasil apresenta um quadro de muitas mudanças e de grandes perspectivas, mesmo diante da devastadora crise econômica internacional, que já está sendo dissipada.

Não se espera mascarar os problemas do Brasil, mas mostrar sua evolução e a certeza de que estamos no caminho para encontrar soluções para os problemas que afligem nosso povo. Nesse aspecto, o Brasil tem demonstrado ao mundo a sua vocação de um grande país, não apenas no tamanho da sua economia, mas também no esforço de redução da desigualdade social. Baseado nisso, muitas famílias têm sido beneficiadas em programas como o Bolsa Família, Mais Médicos, Programa de Infraestrutura Turística, Programa Nacional de Inclusão de Jovens – ProJovem, Programa de Inclusão Digital - Equipamentos de Informática e Acesso à Internet, Brasil Alfabetizado, Luz para todos, Programa de Inclusão Social pelo Esporte – Pintando a Cidadania entre outros, o que permitiu que muitos pudessem sair da pobreza e alcançar a classe média, ou mesmo melhorassem a qualidade de vida.

Por outro lado, medidas para impedir a violência, principalmente nos estádios, estão sendo implementadas. Afinal, o principal objetivo do esporte é a confraternização entre os povos. Atos violentos serão repudiados e sanções aplicadas.

Assim, a expectativa que se tem da Copa do Mundo no Brasil é que seja um evento marcante para brasileiros e estrangeiros. Para isso, estão sendo tomadas medidas para que os visitantes estejam seguros, se divirtam, conheçam o país e retornem outras vezes. Se depender da receptividade e simpatia do povo brasileiro, não há dúvidas que o Brasil será rota turística permanente para muito mais gente após a competição. Mais do que sermos hexacampeões do mundo, queremos ser campeões como anfitriões para nunca mais sermos esquecidos. Isso será bom para os turistas torcedores e também para os brasileiros.

Newsletter

Assine a nossa newsletter:

Notícias da AELB

Publicada a "Carta de Notícias" do mês

08/11/2018 19:16
Clique aqui e se informe.

Recital de Música Sacra na Igreja da Candelária

14/09/2018 13:37
A Academia Evangélica de Letras do Brasil – AELB,   Vem convidar V.Exa. e sua digníssima...

Itens: 1 - 2 de 38

1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>