Os cristãos, o voto consciente e o perigo da alienação

30/04/2015 17:48

Os cristãos, o voto consciente e o perigo da alienação

*Por Rubens Teixeira

Os cidadãos, de um modo geral, devem buscar informar-se, ler, desenvolver senso crítico para votar. Muitos cristãos só se informam com base no que se diz nas mídias ligadas à sua fé, deixando de lado muitos assuntos que afetam o seu dia-a-dia, da sua família e de toda a sociedade, como saúde, educação, segurança, transporte, economia, aos direitos trabalhistas, previdenciários, e tantos outros. O debate sobre esses e outros temas no meio cristão é praticamente inexistente, o que deixa a maioria desinformada e pouco preparada para debaterem, tornando-se vulneráveis a qualquer um que queira trazer-lhes uma ideia pronta.

Em época de eleições, essa desinformação sistêmica, intencional ou não, torna as pessoas mais fervorosas reféns de oportunistas e mentirosos que desprezam temas relacionados à saúde, a segurança, o emprego e a dignidade de milhões de brasileiros, incluindo os cristãos.

Pior do que tudo isso, em épocas de eleição, cria-se o pânico de que o Congresso Nacional vai votar leis permissivas contra esse ou aquele assunto, mas que não reflete em ações tão firmes nas casas legislativas quanto a propaganda feita dentro dos templos. Enfim, um pânico orquestrado para tornar o povo, já desinformado, também desorientado e com menor capacidade de decisão.

Se nós não cuidarmos da defesa dos nossos direitos e não soubermos opinar e nem cobrar sobre temas relacionados à educação, transporte, saúde, emprego, moradia, economia etc, continuaremos sendo reféns e manipulados por alguns que são “leões” em época de eleições e verdadeiros “gatinhos” quando estão no poder. Jesus nos ensinou a sermos suas ovelhas, não ovelhas de “lobos”. (João 10.12). Não se esqueça: Jesus também nos ensinou a sermos simples como a pomba, mas prudentes como as “serpentes”. (Mateus 10.16). Se fizermos o contrário, seremos cidadãos irresponsáveis e cristãos desobedientes aos ensinamentos do Mestre e, portanto, sofreremos as consequências. Voto é livre arbítrio: um direito seu. Não o delegue. Vote pensando em construir um Brasil melhor para você e para todos.

 

Newsletter

Assine a nossa newsletter:

Notícias da AELB

Recital de Música Sacra na Igreja da Candelária

14/09/2018 13:37
A Academia Evangélica de Letras do Brasil – AELB,   Vem convidar V.Exa. e sua digníssima...

Publicada a "Carta de Notícias" do mês

05/04/2018 19:16
Clique aqui e se informe.

Itens: 1 - 2 de 38

1 | 2 | 3 | 4 | 5 >>