• instagram-logo
  • YouTube Social  Icon
  • Spotify ícone social
  • SoundCloud ícone social
  • Twitter Social Icon

© 2019 por Wittenberg

Buscar
  • AELB

Q.I. e Q.S.

Acad. Eurípedes da Conceição (Cadeira 07)

Você já ouviu falar do Quoeficiente de Inteligência (Q.I.), que é o grau de inteligência avaliado através de exames teóricos e práticos. Mas existe outra medida da capacidade humana bem mais importante que, provavelmente, você ainda não ouviu falar. É o Quoeficiente de Sabedoria (Q.S.).

A inteligência abrange o raciocínio lógico, a formulação de ideias e o armazenamento da informação. Mas a sabedoria abrange as virtudes do caráter como prudência, moderação, temperança e reflexão, sendo um dos dons do Espírito Santo (1Co 12.8).

Ser sábio, segundo a Bíblia, é ter a mente de Cristo – é a habilidade de ver as pessoas e as circunstâncias com os olhos de Deus.

À luz da Escritura, tudo o que precisamos fazer é pedir a Deus que nos dê essa sabedoria. Na condição de pais, líderes, amigos, ou pessoas que, diariamente, tomam decisões, precisamos de muita sabedoria, e Tiago nos mostra como obtê-la e avaliá-la. A promessa de Deus em Tiago1. 5 é: “Se, porém, algum de vós necessita de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente”. E acrescenta: "Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando" (Tg 1.6).

Em Tiago 3.17 aprendemos a avaliar nosso QS pelas virtudes que definem a sabedoria divina. Ele diz que “A sabedoria lá do alto é, primeiramente, pura”. Nesse caso, qualquer atitude ou decisão deve ser tomada com pureza de caráter e integridade. Ele diz que a sabedoria que vem de Deus é “pacífica”, o que nos leva sempre a perguntar se as nossas decisões trarão paz ou conflito; se vão melhorar ou piorar a situação. Decisões que levam ao conflito produzem mais conflito, e, geralmente, não refletem o pensamento de Deus.

Tiago também diz que a sabedoria do alto é "indulgente, tratável, plena de misericórdia e de bons frutos, imparcial, sem fingimento" (Tg 1.17b). À luz da sabedoria divina nossas decisões devem ser misericordiosas, imparciais, justas e sinceras.

Ore insistentemente ao Senhor, pedindo-lhe sabedoria.  Identifique as áreas em que ela está faltando: Nos relacionamentos, no casamento, na Igreja, no trabalho, na educação dos filhos. Reconheça que você depende inteiramente de Deus e precisa de sabedoria para agir corretamente nas áreas que apresentam lacunas em sua vida. Creia que Deus atenderá a sua oração. Ele cumprirá sua promessa e lhe dará a sabedoria que você tanto precisa.

Tiago também diz que uma das marcas da sabedoria é a “mansidão” (Tg 3.13). Em suma, ser sábio é ser manso, ser humilde; não humilhar as pessoas; não agir com arrogância; não ser autoconfiante, ser equilibrado.

Pessoas sábias deixam de olhar somente para si mesmas e passam a olhar mais para Deus. Se assim procedemos, podemos dizer que além de QI temos QS, pois além de inteligentes, somos sábios.


35 visualizações